Ser um influenciador digital vai além dos números

Postado por Agência Click Marketing em 25/ago/2017 - Sem Comentários

A ilusão de que o que faz a reputação de um verdadeiro influenciador digital são os números que ostenta vem caindo por terra dia após dia. Quem trabalha com marketing de influência , tanto no papel de quem faz a ponte entre o influenciador e a empresa até mesmo o próprio influenciador precisa estar atento e ciente de que é preciso analisar outros fatores para que sua influência seja de fato relevante.

Apesar de muitos insistirem que é uma matemática simples  de números de seguidores versus curtidas e comentários nas publicações, existem outros fatores interessantes a serem levados em conta. Por que a analise para um resultado final satisfatório é múltipla e exige atenção e sensibilidade.

Primeiro antes de tudo é preciso entender os tipos de resultado  que o influenciador pode exercer sobre marcas.
Apesar da obviedade de que uma marca exposta é mais consumida, a visibilidade que a marca ou produto ganha também deve ser levada em conta quando a divulgação por meio de influenciadores digitais entra em pauta.  Afinal de contas cada número representa alguém que consome aquele conteúdo e que seja automaticamente ou em longo prazo, com a influência certa vai ou consumir a marca indicada ou ter em mente que aquela marca de alguma forma possui relevância e autoridade no mercado.

A influência digital chega de forma mais intima ao público, por isso números não devem ser vistos apenas como números.

A influência é medida no engajamento que gera
Uma audiência bem engajada precisa acima de tudo consumir e dialogar bem com a linguagem do influenciador.
Diferente da publicidade, os melhores resultados com influenciadores digitais aparecem quando o consumidor sente que está recebendo um presente com aquela informação. Que está sendo bem cuidado por alguém que nutre um sentimento fraterno, é uma relação onde o relacionamento de fato fala mais alto.
Por isso não adianta ter números exorbitantes se a audiência de fato não consome, acima de tudo, o influenciador.  Pense fora da caixa!

0 Comentários

Deixe o seu comentário!